---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


VI Conferência Municipal de Saúde tematiza importância do SUS

Publicado em 08/04/2019 às 15:42 - Atualizado em 08/04/2019 às 17:08

VI Conferência Municipal de Saúde tematiza importância do SUS
Créditos: Assessoria de Imprensa - Prefeitura de Lebon Régis Baixar Imagem

No dia 4 de abril, a Prefeitura de Lebon Régis, através da Secretaria de Saúde, realizou a 6ª edição da Conferência Municipal de Saúde. O evento aconteceu no Auditório “Pedro Inhaia” e abordou o tema Democracia e Saúde: Saúde como Direito e Consolidação e Financiamento do SUS.

A enfermeira especialista em Gestão Pública, Juliana Santos, foi a responsável pela palestra. O prefeito de Lebon Régis, Douglas Mello; o vice-prefeito, Celso Maciel; e o presidente da Câmara de Vereadores, Ivonei Gois Querino, prestigiaram o evento. O presidente do Conselho Municipal de Saúde, Anderson Marques; e a coordenadora da Atenção Básica, Maiara Ribeiro, também compuseram a Mesa.

Ao abrir a Conferência, a secretária de Saúde, Nádia Maciel, cumprimentou o público. “Eu fico feliz em saber que vocês estão aqui. Significa que estão interessados em conhecer as ações que realizamos. A presença de vocês fortalece o nosso trabalho”.

Ela destacou os números de atendimentos da pasta, em 2018. “Os médicos realizaram 24 mil consultas, o dobro da população de Lebon Régis. Ao todo, 5 mil pacientes foram transportados para outras cidades”.

Os médicos receitam remédios que estão disponíveis gratuitamente na Farmácia Municipal. “Hoje, ela está completa, mesmo com o governo enviando cinco mil reais por mês para mantê-la. A Prefeitura de Lebon Régis é quem fica com a maior responsabilidade”. Diariamente, são realizados entre 120 a 150 atendimentos.

O prefeito de Lebon Régis, Douglas Mello, salientou que era uma satisfação enorme estar presente na Conferência. “É uma alegria encontrar vocês neste dia tão importante. Graças aos funcionários, que desempenham seus trabalhos com seriedade e comprometimento, nós fazemos a melhor gestão em saúde da história de Lebon Régis.

Ele lembrou que a legislação obriga o Município a gastar 15% em saúde e enfatizou que a atual Administração investe mais de 22% da arrecadação no setor. “A equipe da Saúde está de parabéns. E eu incluo os trabalhos realizados no Hospital e Maternidade “Santo Antônio”. Nós vamos continuar melhorando os serviços”.

O vice-prefeito, Celso Maciel, também ressaltou o trabalho realizado pelo poder público municipal. “O governo do estado precisa fazer a sua parte. A nossa região é a menos desenvolvida de Santa Catarina. As pessoas daqui precisam de mais ajuda. O que reverte este quadro é a eficiência de nossa equipe. A atual Administração é preocupada com o povo lebonregense, que é o nosso maior patrimônio”.


Galeria de Fotos

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
  • {{galeriaMultimidia.length + galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar